Votos Válidos

PARADOXO À VISTA EM 2014

03/01/2014

 

Maurício Costa Romão

No primeiro turno da eleição presidencial de 2010 no Brasil, o conjunto de votos que compreende o alheamento eleitoral atingiu 27% (18,1% de abstenção e 8,7% de votos brancos e nulos). Os recentes protestos de junho, com forte mensagem de “antipolítica”, indicam que o percentual tende a aumentar.

A conseqüência pouco comentada entre analistas é que tal aumento reduz os votos válidos e fica mais fácil para quem lidera a corrida majoritária, com votação acima dos concorrentes, atingir 50% mais um dos sufrágios, encerrando o certame na sua primeira fase.

À guisa de exemplo: se em 2010 o alheamento eleitoral tivesse sido de 33%, ao invés de 27%, a presidente Dilma Rousseff teria ganho no primeiro turno com a mesma quantidade de votos!

Leia mais…

PESQUISAS ELEITORAIS: A PASSAGEM DE VOTOS TOTAIS PARA VOTOS VÁLIDOS

09/09/2013

Maurício Costa Romão

 Nas pesquisas eleitorais, quando não há registro de manifestação de voto aos candidatos é porque os entrevistados declararam que iam votar em branco (B), anular o voto (N), não iam votar em nenhum candidato (N*), estavam indecisos (IND), não sabiam ainda (NS) ou, simplesmente, não quiseram responder (NR).

As instituições de pesquisa costumam aglutinar essas respostas de “não voto” em duas subcategorias: (1) B/N/N* e (2) NS/NR/IND.

A primeira indica o contexto de desalento do eleitor com o ambiente político-eleitoral e/ou com as candidaturas postas. Naquele momento da pesquisa sua pré-disposição é de protesto, de negação, sinalizando que se for às urnas não vai votar em ninguém, votar em branco, ou anular voluntariamente o voto.

Leia mais…

VOTOS VÁLIDOS: TSE E PESQUISAS

11/12/2012

Maurício Costa Romão

VOTOS TOTAIS X VOTOS VÁLIDOS II (Final)

27/11/2012

 

Eleitor

Quando se aproxima o dia da eleição, as pesquisas mudam de votos totais para votos válidos. Operacionalmente, o que é que se modifica quando é feita essa passagem de um conceito para outro?

Maurício Costa Romão

Nas pesquisas eleitorais, os entrevistados ou declaram intenção de votar em algum candidato, ou se dizem indecisos (não sabem ou não querem responder), ou ainda, que vão votar em branco ou anular o voto.

Leia mais…

VOTOS TOTAIS X VOTOS VÁLIDOS (I)

25/11/2012

Eleitor

Um ponto que confunde o eleitor é que uma hora as pesquisas apresentam os resultados em votos totais, outra hora em votos válidos. Por que isso?

MCR

Os resultados oficiais dos tribunais eleitorais (TSE e TREs), ao cabo das eleições, são sempre divulgados em votos válidos. Os votos válidos são os votos nominais (dados diretamente aos candidatos), somados com os votos de legenda (atribuídos aos partidos), menos os votos em branco e os nulos. Então, os votos válidos são os votos totais menos os votos em branco e os nulos.

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação