Eleiço 2014

SÍNTESE DAS ESTATÍSTICAS DA ELEIÇÃO DE 2014

27/10/2014

Fonte: elaboração própria com base em dados do TSE

Maurício Costa Romão

MOVIMENTOS DE RUA E A ELEIÇÃO PRESIDENCIAL DE 2014

15/03/2014

Fonte: elaboração própria

Maurício Costa Romão

Segundo o sociólogo Manuel Castells, os movimentos de rua que vem acontecendo em vários países têm, entre seus traços distintivos comuns, o caráter hibrido de ocupar simultaneamente os espaços cibernético e urbano.

No ciberespaço, através da comunicação em massa pela internet, dá-se existência contínua ás manifestações que se materializam e se tornam visíveis no espaço urbano. 

Daí por que as insatisfações que ensejam os movimentos permanecem latentes, propagadas nas redes da internet, ainda que, eventualmente, haja menos ocupação do espaço público.

Leia mais…

PSOL pode lançar até 73 candidatos a deputado estadual

21/02/2014

Blog DO INALDO SAMPAIO

Postado em 18 de fevereiro de 2014 por Inaldo Sampaio

O professor e matemático eleitoral Maurício Romão analisa, no artigo abaixo, a decisão do PSOL de lançar 70 candidatos a deputado estadual para tentar garantir a eleição do presidente regional do partido, Edilson Silva.

A propósito da nota no seu blog (17/02) sobre a estratégia do PSOL de lançar chapa com 70 candidatos para garantir a eleição do combativo Edilson Silva, permita-me adicionar alguns números para ilustrar sua interessante matéria.

A legislação eleitoral impõe restrição ao número de candidatos que cada partido pode lançar nas eleições proporcionais. Para deputado estadual o limite máximo é de 1,5 vezes o número de vagas no Parlamento. Como são 49 vagas em Pernambuco, o PSOL pode ter até 73 candidatos.

Leia mais…

POLÍTICO OU TÉCNICO?

03/02/2014

Maurício Costa Romão

O processo de escolha do futuro candidato do PSB ao governo do Estado de Pernambuco nas eleições deste ano gerou um infindável e estéril debate sobre se a opção deveria recair em um técnico ou em um político.

Para um cargo de tamanha envergadura essa discussão não faz o menor sentido.

No geral, querela dessa natureza tende a descambar para uma armadilha lógica: a falsa generalização, opondo o técnico ao político como se fosse, cada qual, categoria homogênea, com atributos próprios e indistintos.

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação