Dilma versus Marina

INVASÃO DE REDUTOS

03/09/2014

Maurício Costa Romão

O Datafolha realizou em agosto duas pesquisas após a morte de Eduardo Campos: uma nos dias 14 e 15 e outra nos dias 28 e 29. Entre uma e outra, Marina Silva subiu de 21% para 34% de intenções de voto, já empatando tecnicamente com a então líder Dilma Rousseff.

Nas duas pesquisas o Datafolha desagregou os dados por sexo, idade, escolaridade, renda familiar, natureza do município (região metropolitana e interior), porte do município, região do país e religião.

Um fato que chama à atenção é que Marina cresceu de um levantamento para outro em todos os segmentos internos desses estratos, e o fez de forma homogênea, com um avanço de nunca menos que 11 pontos de percentagem em cada um (exceto no segmento 45 a 59 anos de idade, no qual ela subiu “apenas” 10 pontos).

Isso significa que alguns segmentos cativos do reino de Dilma e do lulopetismo foram parcialmente invadidos pela avalanche acreana.

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação