Deputados

ESTATÍSTICAS ELEITORAIS: ELEIÇÃO PARA DEPUTADO EM PERNAMBUCO – 2010

17/05/2011

 

Por Maurício Costa Romão

 

Fonte: elaboração do autor, com base em dados do TSE/TRE

DEPUTADOS: 1947 A 2010

29/03/2011

 

Cesar Maia

Folha de S.Paulo, 26/03/2011

As referências político-ideológicas no Brasil são tênues. A República Velha (1889-1930) produziu um regime de partido único descentralizado. A Revolução de 1930 abriu espaço para os partidos, mas, com o Estado Novo, isso durou pouco. O Partido Comunista foi uma exceção a essa regra.

A redemocratização gerou três partidos. Na UDN estavam também os socialistas. Era o partido dos governadores que se negaram a ser interventores em 1937. Seu perfil ideológico como partido liberal-urbano-cosmopolita veio depois.

O PSD era o partido dos interventores, com enorme atratividade. Os dois partidos se beneficiaram de seus candidatos a presidente em 1945: Eurico Gaspar Dutra (PSD) e Eduardo Gomes (UDN). O trabalhismo surge na relação DF-sindicatos criada pelo prefeito do Rio de Janeiro, Pedro Ernesto, em 1933. Vargas o aprimorou como base social de sustentação.

Leia mais…

MAU EXEMPLO

26/01/2011

 

Editorial do Jornal do Commercio, publicado em 26.01.2011

Alguns deputados estaduais que parecem não se preocupar em como será deixada para as futuras gerações a sua biografia e que acabaram sendo cassados pelo povo – que não os reelegeu – tomaram no final de mandato, agora em janeiro, algumas medidas que demonstram bem o seu pouco, ou nenhum, compromisso com a coisa pública. Depois de tentarem – sem sucesso – empregar parentes na Assembleia Legislativa, usaram o conhecido “jeitinho brasileiro” e fizeram aumentar para o valor máximo a gratificação de servidores lotados em seus gabinetes. Um deles chegou a “premiar’ 13 assessores com o teto de gratificação, uma cortesia com o chapéu alheio que deixa à mostra a formação de algumas pessoas escolhidas para representar o povo.

Leia mais…

Menos deputados em Alagoas?

10/01/2011
Tags: , , .

Artigo do autor publicado no Jornal Extra, de Alagoas, em 05/01/2011

MAURÍCIO COSTA ROMÃO é Ph.D. em economia e consultor do Instituto de Pesquisas Maurício de Nassau.

A Constituição Federal e a Lei Complementar 78 estabelecem, resumidamente, que: (1) os estados tenham um mínimo de 8 e um máximo de 70 deputados federais, totalizando o limite de 513; (2) a representação de deputados por estado seja proporcional à sua população “procedendo-se aos ajustes necessários, no ano anterior às eleições”; e (3) o IBGE forneça ao TSE, nos anos precedentes às eleições, dados atualizados das populações dos estados.

Desde 1994, todavia, mesmo diante das mudanças demográficas ocorridas e da conseqüente pressão de estados que se sentiam sub-representados no Parlamento federal, o TSE não promovia as ditas alterações.

De repente, em plena Quarta-feira de cinzas deste ano, aquela egrégia corte eleitoral editou minuta de resolução modificando os quantitativos de deputados federais por estado da federação (e, por decorrência, dos parlamentares estaduais).

Leia mais…

TSE, CENSO E OS DEPUTADOS NA PARAÍBA

24/12/2010

 

Por Maurício Costa Romão

A Constituição Federal e a Lei Complementar 78 estabelecem, resumidamente, que: (1) os estados tenham um mínimo de oito e um máximo de 70 deputados federais, totalizando o limite de 513; (2) a representação de deputados por estado seja proporcional à sua população procedendo-se aos ajustes necessários, no ano anterior às eleições”; e (3) o IBGE forneça ao TSE, nos anos precedentes às eleições, dados atualizados das populações dos estados.

Desde 1994, todavia, mesmo diante das mudanças demográficas ocorridas e da conseqüente pressão de estados que se sentiam sub-representados no Parlamento federal, o TSE não promovia as ditas alterações.

De repente, em plena Quarta-feira de cinzas de 2010, aquela egrégia corte eleitoral editou minuta de resolução modificando os quantitativos de deputados federais por estado da federação (e, por decorrência, dos parlamentares estaduais nas respectivas Assembléias Legislativas).

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação