Deputados

NÚMERO DE DEPUTADOS NA CÂMARA FEDERAL E NAS ASSEMBLÉIAS LEGISLATIVAS – LEGISLATURA 2011-2014 (Continua)

29/07/2011

Por Maurício Costa Romão

Fonte: elaboração do autor, com base na Resolução 23.220 do TSE

 

Fonte: elaboração do autor, com base na Resolução 23.220 do TSE

AUMENTO DA BANCADA GERA POLÊMICA

19/07/2011
      
Folhapress, 18 de Julho de 2011  

Políticos do Sudeste discutem possível desmembramento do Pará em três

O debate sobre o desmembramento do Estado do Pará em três, com a criação de Tapajós e Carajás, ameaça deflagrar uma guerra civil no cenário político. Preocupados com o efeito da medida dentro do Congresso, Estados mais populosos – a maioria deles concentrada no Sudeste e no Sul – se mobilizam para impor limites às bancadas dos que podem ser emancipados. A Constituição fixa um piso de oito deputados e três senadores por Estado, qualquer que seja o número de eleitores.

Leia mais…

A BANCADA DA SUSPEIÇÃO

18/05/2011

Editorial do Jornal do Commercio (PE), 17/05/2011

O Congresso em Foco, que se define como um site jornalístico que faz cobertura independente e exclusiva do Congresso Nacional e dos principais fatos políticos da capital federal, apurou que um em cada cinco deputados federais responde a algum tipo de processo no Supremo Tribunal Federal. Entre os parlamentares que assumiram mandatos titulares, suplentes e licenciados, 114 deputados e 22 senadores são alvos de investigação no Supremo, acumulando 293 inquéritos e ações penais 50 envolvendo senadores.

Leia mais…

ESTATÍSTICAS ELEITORAIS: ELEIÇÃO PARA DEPUTADO EM PERNAMBUCO – 2010

17/05/2011

 

Por Maurício Costa Romão

 

Fonte: elaboração do autor, com base em dados do TSE/TRE

DEPUTADOS: 1947 A 2010

29/03/2011

 

Cesar Maia

Folha de S.Paulo, 26/03/2011

As referências político-ideológicas no Brasil são tênues. A República Velha (1889-1930) produziu um regime de partido único descentralizado. A Revolução de 1930 abriu espaço para os partidos, mas, com o Estado Novo, isso durou pouco. O Partido Comunista foi uma exceção a essa regra.

A redemocratização gerou três partidos. Na UDN estavam também os socialistas. Era o partido dos governadores que se negaram a ser interventores em 1937. Seu perfil ideológico como partido liberal-urbano-cosmopolita veio depois.

O PSD era o partido dos interventores, com enorme atratividade. Os dois partidos se beneficiaram de seus candidatos a presidente em 1945: Eurico Gaspar Dutra (PSD) e Eduardo Gomes (UDN). O trabalhismo surge na relação DF-sindicatos criada pelo prefeito do Rio de Janeiro, Pedro Ernesto, em 1933. Vargas o aprimorou como base social de sustentação.

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação