Datafolha

A TERCEIRA ALMA DO PT

31/03/2015

(Artigo publicado no Jornal do Commercio, Pernambuco, em 31 de março de 2015)

Maurício Costa Romão

Em março de 2013 o Datafolha detectou que a percentagem dos eleitores brasileiros que tinha preferência pelo PT era de 30%. Dois anos depois, em março de 2015, esta taxa caiu para 9%, o menor nível desde 1989.

A que se deve esse desgaste da sigla que foi referência para a democracia brasileira e sempre esteve na vanguarda das lutas sociais e políticas do país desde sua fundação?

O PT surgiu da base sindical do operariado paulista do fim da década de 70 e angariou protagonismo e admiração como um grande partido de esquerda que pregava o socialismo democrático como forma de organização social.

Leia mais…

CLASSES INSATISFEITAS E INQUIETAS

12/03/2015

Maurício Costa Romão

A pesquisa do Datafolha do início de fevereiro deste ano mostrou um quadro dantesco para a presidente Dilma Rousseff: a avaliação de seu governo, bem como sua imagem enquanto gestora e pessoa, se deterioraram tremendamente em relação ao levantamento do instituto em dezembro passado.

As razões dessa débâcle são conhecidas: anúncios e/ou implementação de medidas contrariando o discurso de campanha da presidente à reeleição, piora dos ambientes econômico e político do país e desdobramentos da roubalheira da Petrobrás.

De fevereiro para cá a situação se agravou, com notória intensificação das crises econômica, política e ética. Neste turbilhão, o desprestígio da presidente se acentuou e a pregação de seu impeachment passou a ser corriqueira.

Leia mais…

NÚMEROS DIFERENTES NAS PESQUISAS

15/09/2014

Maurício Costa Romão

Numa coisa os institutos de pesquisa eleitoral são iguais: todos buscam seguir o padrão estatístico universal de fazer estimativas de parâmetros da população baseados em amostras representativas dessa população. Fora disso, diferem sob vários aspectos metodológicos.

Cada instituto tem sua forma própria de desenhar a amostra, de formular o questionário e definir a ordem das perguntas, de coletar dados (alguns abordam os entrevistados nas ruas, outros nos domicílios), de usar informações secundárias para definir as cotas (sexo, renda, idade, escolaridade, etc.), etc.

Leia mais…

ELEIÇÕES 2014: NOVAS PROJEÇÕES DEPOIS DE IBOPE E DATAFOLHA

05/09/2014

Maurício Costa Romão

As duas últimas pesquisas nacionais do Ibope e do Datafolha, ambas com trabalho de campo praticamente nos mesmos dias, entre 31 de agosto e 2 de setembro (Ibope) e de 1 a 3 de setembro (Datafolha), trouxeram números muito parecidos.

Em relação às respectivas pesquisas imediatamente anteriores, Dilma Rousseff e Marina Silva crescem em intenção de votos no Ibope, três e quatro pontos, respectivamente, enquanto que no Datafolha a presidente ganha um ponto e a ex-senadora fica com o mesmo percentual anterior. Aécio Neves é que perdeu pontos nos dois levantamentos, um no Datafolha e quatro no Ibope.

Leia mais…

O MODELO DA MACROMÉTRICA E A PESQUISA DATAFOLHA

19/08/2014

Maurício Costa Romão

 A Macrométrica, consultoria do ex-presidente do Banco Central, Chico Lopes, elaborou um modelo estatístico que faz projeções sobre resultados de eleições presidenciais.

Segundo matéria do jornal Valor Econômico, escrita por Sérgio Lamucci, em 12/08/2014, sob o título “Macrométrica projeta vitória do PSDB com modelo de estatístico americano”, para fazer projeções a consultoria: 

“… usou o esquema de análise de Nate Silver, o editor-chefe do site “FiveThirtyEight”. Silver ficou famoso por ter acertado o resultado de todos os 50 Estados na eleição presidencial americana de 2012, quando Barack Obama se reelegeu, ao vencer Mitt Romney”.

Aplicando esse modelo da Macrométrica à pesquisa do Datafolha dos dias 14 e 15 de agosto do corrente ano, têm-se os seguintes resultados, projetados na suposição de que as eleições se realizassem agora:

Leia mais…

Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação