PESQUISA ELEITORAL: INFORMAÇÃO TRANSPARENTE (I)

09/05/2012

 

Eleitora

Os institutos de pesquisa eleitoral são claros, transparentes, quando divulgam seus resultados? Por exemplo, os “press-releases” enviados para os jornais e mídia on-line são suficientemente informativos? 

Maurício Costa Romão

No que se refere àquelas informações básicas associadas às intenções de voto, tipo: margem de erro, tamanho da amostra, data do trabalho de campo, votos válidos, etc., os institutos normalmente fazem comentários curtos, porém esclarecedores. Alguns detalhes mais técnicos são deliberadamente omitidos, em especial para o jornal impresso, porque podem tornar o texto jornalístico um tanto árido e de difícil assimilação pelo grande público.

O pecado da omissão é cometido como compensação para maior leveza do texto. Mas em alguns casos essa omissão é prejudicial e pode induzir a uma leitura equivocada. Por exemplo, os grandes institutos de pesquisa quando fazem levantamentos nacionais para a corrida presidencial costumam trabalhar com amostras entre 2.000 e 2.500 questionários, com uma margem de erro, digamos, de 2,5%.

 Em geral, esses institutos apresentam também as intenções de voto dos eleitores por várias características socioeconômicas e geográficas, incluindo as grandes regiões (Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste). Vamos tomar o exemplo das regiões, porém o raciocínio é extensivo a qualquer outra característica sócio-econômica.

O problema é que, em geral, não se faz menção ao tamanho da amostra e aos erros amostrais em cada uma das regiões. Mas os erros amostrais das grandes regiões, individualmente, são maiores do que aquele correspondente à amostra total (2,5%) e, sem esclarecimentos, o leitor tende a inferir que tudo é a mesma coisa.

 

 

Um comentário
Juliana

É verdade, mas é tarefa do jornalista entender essas distorções e informar isso aos cidadãos.

Deixe seu comentário
Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação