ELEITOR ABESTADO?

28/09/2010

A ELEIÇÃO DE 2010 ESTÁ CHEIA DE CANDIDATOS “EXÓTICOS”, MAS O QUE SIGNIFICA VOTAR NELES? (Texto para jóvens, Caderno Folheteen)

Iuri de Castro Tôrres

Folha de S.Paulo, 27/09/2010

“Adivinha quem é?”, pergunta alguém por trás de mãos que escondem o rosto. “Sou eu, o abestado! Vote Tiririca para deputado federal”, responde o palhaço Francisco Oliveira Silva, o mais expressivo de uma onda de candidatos “exóticos” das eleições deste ano.

Além dele, há a Mulher Pêra, o jogador de futebol Romário, os irmãos da banda KLB e a cantora Simony.

Líder na pesquisa de intenção de votos divulgada pelo Datafolha, com 3%, Tiririca (PR-SP) pode se mudar de mala e cuia para Brasília, com salário de R$ 16 mil. Ele admite não saber o que faz um deputado federal. E só na semana passada apresentou propostas de governo, como incentivos fiscais para o circo e luta contra discriminação de nordestinos.

Cativou eleitores jovens na base do deboche.

Para David Fleischer, professor de ciência política da UnB (Universidade de Brasília), o voto no palhaço é visto como uma forma de protesto, mas pode ser pura alienação.

“Muitos jovens não sabem, mas o Tiririca pode ajudar na eleição de candidatos como Valdemar Costa Neto, envolvido no escândalo do mensalão”, diz Fleischer.

Ele se refere ao voto proporcional, que permite a eleição de candidatos da mesma coligação. Tiririca seria, portanto, “puxador de votos”.

“O Tiririca diz: “Pior do que está não fica’”, afirma Felipe Alves, 16, que usou cartazes para fazer campanha na escola. “Todos os candidatos prometem e não cumprem. Ele, ao menos, é sincero.”

Para José Azevedo, 19, “a política brasileira já é uma palhaçada. Então, é melhor ter um palhaço de verdade.”
“A candidatura de Tiririca é legítima”, diz Fleischer. Mas, ao contrário do slogan do “abestado”, tudo sempre pode piorar.

Nenhum Comentário
Deixe seu comentário
Sobre o autor

Maurício Costa Romão é Master e Ph.D. em economia pela Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, sendo autor de livros e de publicações em periódicos nacionais e internacionais...

continue lendo >> Maurício Romão

Copyright © 2012 Maurício Romão. Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: 4 Comunicação